domingo, 21 de maio de 2017

Atividade p. 57 – 7º ano

1. Observe o mapa




a.      Localize a Península Arábica em relação ao Iraque e aos mares que banham a península. A Península situa-se a sudeste do Iraque e é banhada pelo Mar Vermelho. (oeste), o Golfo Pérsico (leste) E O Mara Arábico 9Sul)
b.      Indique os países que hoje ocupam o território da Península Arábica. Arábia Saudita; Iêmen; Omã; Emirados Árabes Unidos; catar; Bahrein; Kuait; e Jordânia.



2. Observe as imagens e responda:
a.      Quem são os personagens representados na foto da esquerda? São os beduínos.
b.      Como eles vivem? Os beduínos são grupos nômades que habitam o deserto e sobrevivem da criação de animais, raízes e frutas secas.
c.       O que vê na foto da direita? Que tipo de benefício isto traz à população? Vê-se um oásis, local onde a existência de uma fonte de água permite o florescimento de espécies vegetais, ou seja, a prática da agricultura.

3. Leia a seguinte reportagem e responda.
Por que Meca é tão importante para o islamismo?

Porque ali fica o santuário de Ka’Bah, construído no segundo milênio antes de Cristo. Segundo a tradição islamita, Ka’bah é o único local na Terra que as forças celestes teriam tocado. Situado na Arábia Saudita, a cidade já era ponto de parada de caravanas e centro comercial antes de Maomé. Mas os maometanos, também chamados de muçulmanos, [...] a converteram em sua capital. De acordo com os preceitos religiosos, todo fiel tem o dever de visitá-la ao menos uma vez antes de morrer. Além disso, onde quer que estejam tem que rezar cinco vezes ao dias voltado para lá. “ e a oração do meio-dia de sexta-feira precisa ser feita em uma mesquita, que sempre é construída em sua direção”, [...]
Livro didático p. 58
a.      Como se chama o santuário de Meca? Ele já existia antes de Maomé? Se chama Ka’Hah ou Caaba, sim já existia muitos antes do nascimento de Maomé, funcionando como importante centro comercial.
b.      Qual a importância desse santuário para os muçulmanos? Para os muçulmanos, a caaba é o único ponto da Terra tocado diretamente por forças divinas, além de ser o local de nascimento e sepultamento do profeta Maomé, fundador do islamismo.
c.       Em que país atual a cidade de Meca está localizada? Arábia saudita
d.      Qual é a obrigação de todo muçulmano no que diz respeito a Meca? Todo muçulmano deve visitá-la ao menos uma vez na vida. As cinco orações diárias devem ser feitas na direção da cidade de Meca.

4. O Ano 1 do calendário Cristão é o do nascimento de Cristo.
a.      Qual é o ano 1 para os muçulmanos? O ano 1 para os muçulmanos é622 da era  cristã, quando ocorreu a Hégira, a mudança de Maomé de Meca para Yatreb.

b.      O ano de 2016 da era cristã corresponde a que ano islâmico? Corresponde ao ano de 1394

Atividade p. 86 – 6º ano

1. Reveja o mapa da página 76 e responda.

a.      Qual é o assunto principal do mapa?  Possíveis Caminhos de povoadores da terra.
b.      Em que continente surgiram os primeiros seres humanos da Terra? Na África
c.       Como os cientistas chegaram a esta conclusão? Foi lá que se encontrou o fóssil humanos mais antigo.
d.      O que as setas vermelhas indicam? O provável cominho feito pelos povoadores da América depois de atravessar o Estrito de Bering.
e.      O que as setas azuis indicam? Outro provável caminho para a chegada dos seres humanos à América que foi através do oceano Pácifico
f.       Explique com suas palavras as principais hipóteses sobre os caminhos percorridos pelos povoadores da América
Hipótese1: Chegaram à América por terra, depois de atravessar o Estreito de Bering, situado entre a Sibéria (Rússia) e o Alasca (EUA).
Hipótese2: Chegaram à América por mar, vindos da Oceania. E, depois de atravessar o oceano pacífico navegando de ilha em ilha em pequenas embarcações, desembarcaram nas costas do continente americano

2. leia a frase a seguir com atenção: “ Provavelmente, os povoadores da América chegaram ao nosso continente depois de atravessar o Estreito de Bering, da Sibéria para o Alasca”.
a. Qual o significado da palavra “estreito” na frase acima? canal natural de pequena largura que estabelece comunicação entre dois mares ou duas seções do mesmo mar
Estreito: 1 com pouco espaço; 2. Apertado, de pouca folga; 4 próximo, chegado; 8 canal natural de pequena largura que estabelece comunicação entre dois mares ou duas seções do mesmo mar.
B)  explique a localização do estreito de Bering. situado entre a Sibéria (Rússia) e o Alasca (EUA).

3. Elabore no caderno um diagrama com a palavra ARQUEOLOGIA, seguindo o roteiro.
a.      Locais que guardam vestígios da presença humana, tais como restos de moradias, ossos de animais, plantas etc.
b.      Nome do Parque nacional fundado em São Raimundo Nonato  no Piauí.
c.       Monte de conchas, sobre os quais as pessoas construíram suas cabanas e dentro  das quais enterraram seus mortos.
d.      Um dos mais antigos esqueletos já conhecidos, pertencentes a uma mulher que viveu há cerca de 3,2 milhões de anos.
e.      Arqueóloga brasileira que lutou pela criação do Parque Nacional Serra da Capivara e da fundação Museu do Homem Americano.
f.       Povo que vivia nas florestas do Sul  e do Sudeste do Brasil e era habilidoso no trabalho com pedra.
g.      Arma composta de três pedras ligadas entre si por corda de couro.
h.      Ferramenta usada para abater animais, cortar árvores e também como aram de defesa pessoal.
i.        Povo que viveu entre 8 mil a.C. e 4 mil a.C., de estatura baixa, magro e que comia pequenos animais, frutos, peixes e caramujos que viviam nos rios.
j.        Técnica que revolucionou a produção e a oferta de alimentos, contribuindo para um grande aumento da população.
k.      Argila modelada e cozida no fogo.


Atividade p. 101 – 6º ano

2. Vimos que no modo de vida de construir moradias, de pintar, e enfeitar o corpo, os indígenas são diferentes entre si. Se, por um lado, há diferenças, por outro há também semelhanças. Quais são elas?
A terra para os indígenas é de quem trabalha nela. A divisão do trabalho é feita por sexo e idade. Todo indígena tem acesso ao conhecimento acumulado por seu povo.

3. Vimos que nas sociedades indígenas algumas tarefas são feitas pelos homens e outras pelas mulheres. No caderno, monte um quadro; na coluna da esquerda, liste as tarefas feitas pelas mulheres e, na da direita, as tarefas feitas pelos homens.
Tarefas femininas
Tarefas masculinas
Plantar, acompanhar o crescimento da lavoura e colher.
Coletar frutos.
Transportar produtos.
Produzir farinha.
Tecer redes, fazer cestos vasos e objetos usados em rituais e festas.
Preparar alimentos e cuidar das crianças
Derrubar a mata e preparar a terra par o plantio.
Construir armas de guerra, canoas e moradias.
Cuidar da segurança do grupo
Caçar e pescar


6. o texto a seguir é uma reportagem sobre o ritual de passagem da infância para a vida adulta praticada pelos indígenas sateré-mawés, que habitam no interior do Amazonas.

Ritual da tucandeira permanece vivo no interior do Amazonas
[...]
               O ritual consiste em vestir uma luva cheia de formiga tucandeira e resistir por ao menos 15 minutos. A cerimônia é considerada pelos indígenas como um ato de força, coragem e resistência à dor. Além da representatividade da bravura masculina, o ritual também simboliza uma proteção par o corpo. Segundo a crença dos sateré-mawés, a ferroada da formiga tucandeira funciona como uma espécie de vacina.
               Durante o ritual, o jovem indígena deve  se deixar ferrar no mínimo 20 vezes. [...]
               No dia da cerimônia, pela manhã, as tucandeiras são colocadas em uma bacia com tintura de folha de cajueiro, que tem efeito anestesiante. Quando estão “adormecidas”, as formigas são postas na luva, com a cabeça para fora e o ferrão para dentro [...]. depois para voltarem a ficar agitadas, elas recebem uma baforada de tabaco. È quando ficam prontas para atacar
PORTAL Amazonas.com.
a.      O que é o ritual da tucandeira? É um ritual de passagem da infância para a adolescência praticada pelos indígenas sataré-mawés. Os meninos devem enfiar as mãos numa luva cheia de formiga e suportar no mínimo de 20 ferroadas.
b.      Qual é o significado desse ritual para os sataré-mawés? Os meninos que conseguem suportar as ferroadas das formigas são consideras fortes corajosos e resistentes à dor.
c.      Em nossa sociedade existe alguma cerimônia que marca a passagem da infância para a vida adulta? Sim. A festa de 15 anos realizadas para meninas, por exemplo.

d.      Em duplas. Reflita e opine sobre o ritual da tucandeira. Não há cultura superior à outra. O ritual é um elemento da cultura dos sataré-mawés.

domingo, 7 de maio de 2017

Atividade p. 66 – 6º ano

1.No caderno:
a) Dê o significado de:
·        Criacionismo:  conjunto de ideias segundo o qual a vida e toda a matéria existente no planeta resultam de ação de um criador.
·        Evolucionismo: teoria que defende que o homem e todos os seres vivos são resultado de um longo processo de evolução.
b) Elabore frases aplicando cada um desses conceitos.
A versão cristã do criacionismo esta baseada no livro do Gênesis, que se encontra na Bíblias
O principal teórico do evolucionismo é o inglês  Charles Darwin.

2. Muitas espécies animais já desapareceram; outras correm sérios riscos de extinção. Na sua opinião também há animais de extinção? Escolha um deles e explique o motivo que põem em risco sua sobrevivência.
O desmatamento esta entre as principais causas da extinção de espécies animais. Com o desmatamento o animal é obrigado a se mudar de seu habitat natural e acaba tendo dificuldades de encontrar alimento. Outro fator de extinção de inúmeras espécies animais é a caça criminosa que movimenta milhões de dólares no Brasil todos os anos
4. Observe a imagem e, com base no que você estudou, responda ao que se pede.

a) Que atividades estão fazendo em cada cena?
Cena 1: produção de cerâmica;
Cena 2: produção de cestas
Cena 3: transportando gêneros agrícolas.
Cena 4: ordenha de cabras
Cena 5: tecer
Cena 6: Coleta
Cena 7; Cultivando a terra
Cena 8: pastoreando ovelhas
b) Com base na imagem, é possível saber em que período da Pré-história essas pessoas viviam? Justifique.
Sim; no Neolítico, época em  que os seres humanos já praticavam  a agricultura, o pastoreio e o trabalho com cerâmica.


c)Imagine que você é um adulto e vive em uma aldeia neolítica. Escreva no caderno um pequeno texto sobre o seu dia a dia com o título: “Um dia em um aldeia neolítica”.
Pessoal
5. Monte uma ficha no caderno comparando o modo de vida do paleolítico ao do Neolítico.


Paleolítico
Neolítico
Quais ferramentas eram confeccionadas?
Lanças, flechas, arpões e agulhas
Machados de pedras polida, enxada e foice
Quais materiais eram usados para a confecção dessas ferramentas?
Pedra lascada, ossos e madeira
Pedra polida, ossos e madeira
Quais alimentos eram consumidos?
Carnes de caça, peixes,frutos e raízes
Carnes de caça e de animais domésticos, peixes,frutos e raízes, grãos, leite e
Como era o estilo de vida dos seres humanos?
nômades
sedentários



domingo, 9 de abril de 2017

Atividade p. 91 – 8º ano

2. Na Inglaterra do século XVII, as disputas entre o parlamento e a Monarquia desembocaram em guerra civil 91642-1649). Sobre o assunto responda:
(a)    O que é guerra civil? É uma guerra interna, um conflito entre facções e / ou grupos de um mesmo país
(b)    Que grupos sociais e religiosos lutaram ao lado do rei? Quais lutaram ao lado do Parlamento? A alta nobreza e a burguesia monopolista, de religião anglicana ou católica, lutaram ao lado do rei; já a burguesia comercial e a manufatureira e a gnetry, de religião puritana ou presbiteriana, lutaram ao lado do Parlamento.
(c)    Qual foi o desfecho da guerra civil de 1642-1649? O rei foi decapitado, a república dói proclamada e Cromwell assumiu o poder.
3. Sobre os Atos de Navegação promulgados por Cromwell, em 1651, responda.
(a)    O que foram esses Atos? Eles exigiram que todos os produtos negociados pela Inglaterra fossem transportados por navios de bandeira inglesa ou dos países que os produziam.
(b)    Com que objetivo Cromwell os promulgou? Com o objetivo de fortalecer a economia britânica e prejudicar a Holanda, a principal concorrente da Inglaterra nos mares.
(c)    Quais os desdobramentos da promulgação desses Atos? A Inglaterra e a Holanda travaram um guerra pela supremacia nos mares, que dói vencida pelos ingleses.
4. Elabore uma ficha sobre a revolução Gloriosa de 1688.
Revolução Gloriosa de 1688
O que foi
Foi um movimento revolucionário liderado pelo Parlamento inglês, que depôs o rei absolutista Jaime II e entregou a coroa da Inglaterra a Guilherme de Orange ( genro de Jaime II)
Mudanças decorrentes dessa revolução
·        A Inglaterra deixava de ser uma monarquia absolutista e tronava-se monarquia parlamentarista.
·        Os ingleses deixavam de ser apenas súditos do rei e passava a ser cidadão, com direitos e deveres.
·        O capitalismo inglês ganhou impulso, e isto favoreceu a liderança econômica e política da burguesia inglesa nos séculos seguintes.
Relação entre a revolução Gloriosa e a Revolução Industrial na Inglaterra
A Revolução Gloriosa favoreceu o desenvolvimento do capitalismo na Inglaterra e a expansão dos negócios da burguesia e da gentry, contribuindo, assim para o advento da Revolução Industrial.



Atividade p. 42 – 9º ano

1. Elabore em seu caderno uma ficha sobre as razões da Primeira Guerra Mundial completando a coluna da direita.
Rivalidades imperialistas
a)     Grã-Bretanha X Alemanha
b)      França X Alemanha
Políticas de Alianças
Potências centrais (Tríplice Aliança) : Alemanha, Itália, Império Austro-Húngaro.
Tríplice Entente: Grã-Bretanha, França e Rússia
Paz Armada
Era o nome dado à corrida armamentista visando à preparação para a guerra e à intimidação do adversário

2. Reveja o mapa da página 23 e a seguir responda


(a)    Qual é o assunto do mapa?  O mapa representa os blocos oponentes às vésperas da Primeira Guerra Mundial.
Como os blocos estavam compostos? Potências centrais (Tríplice Aliança) : Alemanha, Itália, Império Austro-Húngaro. Tríplice Entente: Grã-Bretanha, França e Rússia
(b)    Explique a legenda interna e relacione-a à política de alianças que antecedeu a  guerra.
A legenda interna está estreitamente ligada à política de alianças, pois mostra blocos oponentes e informa sobre a mudança de lado da Itália, que passou a apoiar a Tríplice Entente em troca de vantagens territoriais na África.

O cartaz ao lado foi feito entre 1914- 1918; leia-o
com atenção e, com base em seus conhecimentos de inglês e/ou o uso do dicionário, responda:
(a)    O que está escrito nele? VENHA  JÁ.
Suas armas, seu uniforme e demais apetrechos estão prontos esperando por você.
SEJA HONESTO CONSIGO MESMO.  

(b)    Que relação se pode estabelecer ente esse cartaz e o que antecedeu a Primeira Guerra Mundial. Esse  cartaz feito entre 1914-1918 reflete a corrida armamentista que antecedeu a Primeira Guerra Mundial, corrida caracterizada pela adoção do serviço militar obrigatório e pela fabricação desenfreada de armas.

Atividade p. 93 – 9º ano

1. Leia o texto a seguir com atenção e responda ao que se pede;
               Traçada uma linha que se passa entre os município de Palmas, União da Vitória, Rio Negro, Lages, Curitibanos e Campos Novos, abrangendo cerca de 28 mil quilômetros quadrados, a terça parte do atual estado de Santa Catarina, a região do meio oeste e planalto norte, abrange também uma parte do sul e sudoeste do Paraná, configura-se a região onde ocorreu, na segunda década do século XX, um dos conflitos sociais mais sangrentos da história do Brasil. Calcula-se que em 1910 havia, nessa região [...], cerca de 50 mil habitantes, sendo que destes [...], aproximadamente 20% foram mortos. Por toda essa região existem diversos cemitérios que lembram esse conflito sangrento.
TIMAZI, Gilberto. Heranças e lideranças jovens do Contestado.
Historia Catarina, ano 4, n. 18 de 2010, p. 35
a)      Qual é o nome do conflito q que o texto se refere? Revolta do Contestado
b)      Onde esse conflito ocorreu? Ocorreu na região disputada por Santa Cataria e Paraná.
c)      Qual foi o número de mortos no conflito segundo o texto? Segundo o texto, durante a Revolta do Contestado foram mortas cercas de 10 mil pessoas.
d)      A Revolta do Contestado pode ser como um episódio da luta pela terra no Brasil Justifique. Sim, pois teve início com a expulsão e o assassinato dos moradores da região pelos capangas da Lumber, uma empresa estadunidense interessada na exploração da madeira da rica floresta nativa de pinheiros e imbuia que cobria a região.

2. Observe a charge com atenção; leia a legenda e repare nos trocadilhos feitos pelo chargista e responda:

a)      O que se vê na charge? Ela mostra a figura caricaturizada do prefeito chutando o que parecem ser barracos.
b)      Juntando imagem, texto e o que você estudou neste capítulo, é possível descobrir a intenção do autor da charge? Sim. A imagem e os trocadilhos com o sobrenome do prefeito Pereira Passos (1903-1906) referem-se à remodelação da capital empreendida por ele, mais precisamente ao “bota-abaixo” executado pelos funcionários da prefeitura durante a sua gestão.
c)      Quais forma os efeitos das demolições efetuadas a mondo de Pereira Passos no centro do Rio de Janeiro? A elite aplaudiu a reurbanização e a expulsão da população pobre do centro da cidade. Já os moradores dos cortiços e casas de cômodos reagiram de diversas formas ao serem expulsos do centro  e empurrados para a periferia da cidade ou para os morros e mangues.





1. Leia com atenção as fontes 1 e 2.
Fonte 1.
Sergipe, Fazenda Angico
Meus crimes se terminaram
O criminoso era eu
E os santinhos me mataram
Um lampião se apagou
Outros lampiões ficaram
O cangaço continua
De gravata e jaquetão
Sem usar chapéu de couro
Sem bacamarte na mão
E matando muito mais
Lampião falou. Música de Aparício Nascimento e Venâncio,
Cantada por Luiz Gonzaga. In: ROITMAN, Valter
Cangaceiros: crime e aventura no sertão. São Paulo: FDT, 1997.
(Para conhecer melhor). P. 43




Fonte 2
O cangaceiro é doente
É um indivíduo anormal
Recebendo a influência
Do ambiente social
Com justiça e instrução
É difícil um Lampião
Cair na trilha do mal [...]
Também não está direito

Ter pena dele demais
Dizer que eles são heróis
Como muita gente faz
Cadeia pra esta gente
Com tratamento decente
Em prisões especiais
ATAYDE, João Martins de. In: CURRAN, Mark. História do Brasil
 em cordel. São Paulo: Editora da Universidade
de São Paulo, 2009. P. 74




a)      Como os autores da fonte 1 veem Lampião? Eles se colocam no lugar de lampião e fazem a defesa do “rei do cangaço” ao dizer: “O criminoso era eu e os santinhos me mataram”.
b)      O que os autores da fonte 1 querem dizer com “Um lampião se apagou / Outros lampiões ficaram / O cangaço continua  / De gravata e jaquetão”?  O trecho pode ser “traduzido” por “um bandido morreu/outros bandidos ficaram / o crime continua matando; só que os criminosos de agora usam “gravata e jaquetão”.

c)      Compare os autores da fonte 1 ao da fonte 2 quanto ao modo como eles veem Lampião. Enquanto os autores da fonte 1 dão voz a Lampião e “permitem” que ele faça sua defesa,  o autor da fonte 2 posiciona-se contra o cangaceiro, condenando aos seus crimes e pedindo que seja punido.